Pular para o conteúdo principal

Nº de visitantes:

Comer Bem
TemTudo em Diversões
Onde Comprar
encontrar
tec

Quatro passos para implantação de inovações tecnológicas na construção civil

Publicado por Alexandre Amad…
postado em31/01/2018 - 15:56
semComentário

GPEDAo longo dos anos, estamos acostumados a rotular a construção civil como um dos setores mais conservadores do País, principalmente devido ao fato da abundância de mão de obra disponível e pouca exigência de qualificação para sua contratação. Além disso, muitas tecnologias consagradas em outros países fracassaram por aqui.

Isso pode ser um fato, porém temos que considerar também que não temos uma cultura de inovação no setor da construção civil, nem para desenvolvimento de novas tecnologias e muito menos para implantação delas.

Fato, cultura ou qualquer outro motivo para esse panorama, essa situação pode ser uma grande oportunidade para investimento em metodologias para desenvolvimento e implantação de novas tecnologias em produtos ou métodos construtivos.

E é essa falta de metodologia que muitas vezes potencializa o fracasso de tecnologias promissoras. Muitas vezes a ideia é original, mas não tem aplicabilidade ou não foi adaptada paras as condições do nosso país.

Um novo produto ou método construtivo só se configura em inovação tecnológica desde que seja incorporado ao mercado ou ao sistema produtivo da empresa e efetivamente aplicado ao processo de produção com ganhos de desempenho, qualidade ou custo.

A inovação também não precisa ser radical, existe uma série de pequenas melhorias, que podem vir de dados de assistência técnica, pesquisa dos usuários das edificações e de trabalhos de aperfeiçoamento contínuo que podem dar resultados positivos, se bem conduzidos, mesmo que por equipe interna da empresa. Abaixo segue uma proposta de metodologia que foi inspirada nos trabalhos de dois ilustres professores da Escola Politécnica da USP, Dr. Fernando Henrique Sabbatini e Dra. Mércia Maria Semensato Bottura de Barros, que foi utilizada amplamente por grandes empresas do setor, com excelentes resultados.

dd

São quatro grandes etapas:

  1. Estudos iniciais: Avaliar a necessidade e o objetivo do desenvolvimento da nova tecnologia. Realizar um levantamento técnico para avaliar as questões normativas e a adaptabilidade ao edifício como um todo. Avaliar a viabilidade econômica;
  2. Avaliação experimental: A partir do potencial identificado nos Estudos Iniciais, decidir pelo programa de ensaio necessário, seja ele em laboratório ou teste prático em campo;
  3. Protótipo: Com os resultados da Avaliação Experimental, realizar um protótipo da tecnologia para avaliação do seu comportamento em uso.
  4. Escala piloto: Acompanhar a implantação da tecnologia em condição controlada para sua consolidação.

São dicas simples, mas que fazem toda diferença na implantação de novas tecnologias. Vale a pena o planejamento para evitar surpresas desagradáveis, que na maioria das vezes, envolvem muito investimento. Foi com esse sentimento que foi fundado o Grupo de Pesquisa & Desenvolvimento (GP&D) Consultoria e Projetos, voltado para o setor da Construção Civil, confira mais em www.gped.eng.br!

Escreva seu Comentário

Restricted HTML

  • Tags HTML permitidas: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
  • Web page addresses and email addresses turn into links automatically.

Útimos Posts do Blog

Últimos Comentários