Pular para o conteúdo principal

Nº de visitantes:

Comer Bem
TemTudo em Diversões
Onde Comprar
encontrar
teste

VOCÊ TEM COMPULSÃO POR AGRADAR?

Publicado por temtudo-on
postado em26/07/2019 - 14:35
semComentário

As pessoas que sofrem de compulsão por agradar querem garantir a felicidade de todos a sua volta. Elas sofrem, diariamente, desperdiçando seu tempo e energia para realizar tarefas de responsabilidade de outros. Isso acontece porque não sabem dizer NÃO.

Conforme Harriet B.Braiker, em seu livro “A Síndrome da Boazinha”, o que lhes falta é autoaprovação.

As principais causas são:  a) pensamentos agradadores;  b) hábitos agradadores  e  c) sentimentos agradadores.

Concentre seus esforços para obter a cura dessa compulsão. O comportamento compulsivo tem sua raiz no padrão de evitar sentir emoções desconfortáveis e em pensamentos distorcidos. Sentimentos de ansiedade criam comportamentos de evitação, que estão associados a um pensar distorcido.

Pensamentos agradadores  – sua origem advém da crença de que se for agradável evitará a rejeição. O caminho da recuperação é a observação deste tipo de pensamento, que desencadeia regras exigentes, críticas graves e expectativas perfeccionistas para si mesma, tendo o desejo de ser amada, ser aceita e ser aprovada.  Saiba que foram seus pensamentos agradadores que criaram este problema. Por isso, é de suma importância a auto observação e a correção dos pensamentos.

Hábitos agradadores:  fazer demais pelos outros; quase nunca dizer NÃO; assumir compromissos em excesso; raramente delegar tarefas.  Estes são exemplos de padrões derrotistas e estressantes, que controlam e afetam sua saúde e as relações próximas. Coloque o foco nestes hábitos para poder interrompê-los.

Sentimentos agradadores: comportamento de evitar sentimentos desconfortáveis, que geram alta ansiedade na expectativa de evitar conflitos. São pessoas que querem se proteger de seu medo da raiva, de conflitos e de confrontos. Com esse comportamento, evita-se aprender a como administrar conflitos de forma eficiente ou de como aprender a lidar com a raiva. Trata-se de uma fuga emocional.

A compulsiva por agradar paga um preço muito alto!

Sua autoestima fica dependente  do quanto faz pelos outros e o quanto é bem sucedida nisso. Ao satisfazer as necessidades de terceiros, conquista amor, respeito por si mesma e proteção contra o abandono e a rejeição, mas a que custo? Essa dinâmica pode paralisar e trazer ansiedade, dúvidas e confusão emocional.

O caminho da cura

– Determine-se a mudar verdadeiramente

– Comece a praticar a autenticidade. Busque a autoaprovação e não a aprovação dos outros.

– Perceba e satisfaça suas próprias necessidades. Coloque-as em primeiro lugar.

– Reconheça que emoções negativas são inevitáveis; aprenda a lidar com elas. Mudar padrões antigos requer paciência.

– Não diga SIM quando quer dizer NÃO.

Lembretes:

Você NÃO deve sempre fazer o que os outros querem.

Você NÃO deve cuidar de todos a sua volta.

Você NÃO deve ouvir os problemas dos outros e querer resolvê-los.

Você NÃO deve ser sempre agradável para evitar conflitos ou que o outro se magoe.

Você PODE negar qualquer pedido de alguém.

Você PODE decepcionar qualquer pessoa.

Você PODE demonstrar quaisquer sentimentos negativos com relação ao outro.

Você NÃO deve tentar agradar os outros e fazê-los felizes.

Você PODE compartilhar seus problemas ou as próprias necessidades para outras pessoas, se assim desejar.

Ao se recuperar da compulsão por agradar, você se torna uma agradadora compulsiva em recuperação, com mais controle sobre sua vida, com novo estilo de vida, mais feliz consigo mesma e com seus relacionamentos.

Ref.:  BRAIKER, Harriet B., Ph.D. – A SÍNDROME DA BOAZINHA – Como ser poderosa curando sua compulsão por agradar – BestSeller

Anete L. Blefari
anete@sermelhorepleno.com.br
www.sermelhorepleno.com.br

 

Escreva seu Comentário

Restricted HTML

  • Tags HTML permitidas: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
  • Web page addresses and email addresses turn into links automatically.

Útimos Posts do Blog

Últimos Comentários